Canal da Leoa

Tudo sobre Imposto de Renda

Conteúdo grátis com qualidade sobre IR

Como consultar a malha fina da Receita Federal?

A malha fina é o pesadelo da maioria dos declarantes de Imposto de Renda e é possível saber se você foi pego pelo Leão de forma simples e rápida no site da Receita Federal. Descubra como consultar seu CPF!

Malha fina receita federal

Para saber se você caiu na malha fina da Receita Federal, basta acessar o site do Centro Virtual de Atendimento da Receita Federal (e-CAC) e fazer o cadastro com seu CPF, data de nascimento e número dos recibos de entrega das últimas duas declarações de IR.

Esse procedimento irá gerar um código de acesso, que é necessário para que você possa fazer o login com seu CPF e senha informados no cadastro da plataforma.

Infelizmente, ainda não é possível receber um e-mail dizendo “Que pena, você caiu na malha fina!”, e muita gente só descobre se o seu CPF caiu quando não recebe a restituição de forma rápida.

Felizmente, tem como consultar a malha fina diretamente pela internet. Basta fazer uma pesquisa básica e rápida no site da Receita Federal, e a gente explica certinho para você sobre como fazer isso e tirar essa preocupação da cabeça. Confira:

Como consultar status do CPF na malha fina da Receita Federal

Depois que você realizou o cadastro ou login no site do e-CAC, basta acessar o menu à esquerda da sua tela e clicar em “Meu Imposto de Renda” e, em seguida, em “Processamento” e “Pendências de Malha”.

Caso você tenha alguma pendência com o Leão, essa área do site vai informá-lo. Também é possível corrigir a sua declaração pelo próprio site ou até mesmo regularizar o seu Cadastro de Pessoa Física.

Para saber como corrigir, você vai verificar as informações sobre o seu CPF, que poderá estar classificado em algum dos status abaixo:

1.  Suspenso

Quando o CPF está suspenso, geralmente é um caso de dados insuficientes ou incorretos, mas também pode significar que você está em dívida com a Justiça Eleitoral.

2.  Pendente de regularização

Estar com o CPF pendente de regularização significa que você não entregou alguma declaração de IR nos últimos cinco anos.

3.  Cancelado

O CPF é cancelado quando houver mais de uma inscrição sob os mesmos dados ou por decisão administrativa/judicial.

4.  Nulo

A anulação do CPF acontece quando há fraude na inscrição do documento.

5.  Titular falecido

Essa situação ocorre quando é dado baixa no documento de óbito do titular do CPF. Caso a situação do seu CPF esteja listada dessa forma, basta comparecer a uma sede da Receita para comunicar o engano.

6.  Regular

Se o seu CPF está regular, não há com o que se preocupar, pois não há pendências em seu nome.

Caí na malha fina, e agora?

Se você caiu na malha fina, o mais importante é que regularize a situação o mais rápido possível. Dependendo do motivo pelo qual você caiu, é possível resolver tudo pela internet. Você pode, inclusive, checar se isso ocorreu antes mesmo de receber a notificação da Receita Federal.

É importante ressaltar que, quanto antes você resolver sua situação com o Leão, mais cedo você receberá a restituição do seu Imposto de Renda, caso tenha direito a esse benefício. Isso acontece porque a restituição só é liberada após o declarante enviar os documentos pendentes ou a declaração retificadora à Receita Federal.

A averiguação da declaração retificadora pode levar até cinco anos para ser feita pela Receita Federal, por isso é importante agilizar o processo de regularização do seu IR. Lembre-se que o pagamento da restituição é feito em cinco lotes no decorrer do ano, e quanto antes você regularizar a sua situação, mais cedo você receberá o valor.

O que você achou do post?

1 Resposta

Deixe seu comentário

Caiu na malha fina? Saia agora!

Resolvemos o seu problema em até 30 dias.

SAIR DA MALHA FINA