Canal da Leoa

Tudo sobre Imposto de Renda

Conteúdo grátis com qualidade sobre IR

Consulta da declaração do IR: como saber se deu tudo certo?

Sem precisar sair de casa, pela internet, você pode fazer a consulta da declaração do IR para saber qual é a sua situação com a Receita Federal e se deu tudo certo com o envio do documento.

Consulta declaração ir

Sim, depois de declarar seu Imposto de Renda, é possível fazer a consulta da declaração do IR pela internet. Todo contribuinte que desejar pode verificar o status da declaração que foi enviada para a Receita Federal pelo Centro Virtual de Atendimento ao Contribuinte, que é o portal e-CAC.

Ao acessar o portal, você saberá a situação do documento e se precisa ajustar alguma pendência encontrada antes mesmo de o Leão entrar em contato com você para isso. É por essa razão que fazer esse acompanhamento é uma forma de garantir que a declaração foi entregue corretamente, evitando situações desagradáveis com a Receita Federal.

Quanto antes você souber da pendência, mais tempo terá para ajustá-la e resolvê-la, evitando que vire uma bola de neve.

Como consultar o processamento da declaração de IR

Quando você envia sua declaração, ela entra em processamento. Por isso, para saber em qual ponto desse processo ela se encontra, é preciso entender como acessar a declaração de Imposto de Renda. E isso é muito simples!

Você pode ver a declaração de Imposto de Renda, como ela está sendo processada, acessando o portal e-CAC. Após isso, faça o seguinte:

  1. Selecione a opção “Entrar com gov.br”.
  2. Faça o seu login nesse site ou crie um cadastro, se não tiver.
  3. Informe seu CPF e senha.
  4. Ao logar, escolha “Meu Imposto de Renda (Extrato da DIRPF)”.
  5. Vá em “Extrato do Processamento” e selecione o ano da declaração que quer consultar.
  6. Pronto: você vai poder verificar a situação da sua declaração do Imposto de Renda!

Situações da declaração IRPF

Depois de seguir o passo a passo acima, você vai encontrar uma das seguintes situações:

  1. Em processamento: o Leão recebeu a sua declaração, mas o processo está em andamento, ou seja, ainda não foi finalizado.
  2. Em fila de restituição: aqui, sua declaração já foi processada, ou seja, está tudo certo, e também significa que você tem direito à restituição. Entretanto, o valor ainda pode não estar disponível para saque, pois, conforme o lote de restituição em que você se encontra, a data de pagamento muda.
  3. Processada: a Receita Federal recebeu sua declaração e já finalizou o processo, está tudo certo!
  4. Com pendências: é quando o Leão encontra pendências no processamento e você deve retificar a declaração ou apresentar documentos que comprovem o que você declarou.
  5. Em análise: a Receita Federal recebeu sua declaração, mas ela está sendo analisada.
  6. Retificada: é quando você precisou enviar uma declaração retificadora para substituir a original, porque foram encontrados erros - possivelmente você tinha ficado no status "com pendências", mas corrigiu e agora o Leão recebeu sua declaração ajustada para nova análise.
  7. Cancelada: a declaração foi cancelada por você ou pela administração tributária.

Nos casos 1, 5 e 6, você precisará repetir a consulta um tempo depois para descobrir se o processamento foi concluído.

Já no caso 4, é quando você precisa fazer algo a respeito, enviando uma declaração retificadora para arrumar as inconsistências ou erros encontrados pela Receita Federal, para evitar cair na malha fina.

Como saber se declarei Imposto de Renda

Se a sua dúvida é se declarou ou não o Imposto de Renda no ano atual ou em outros anos, essa questão também pode ser respondida acessando o portal e-CAC. Ele também armazena um histórico de todas as declarações enviadas ou alterações feitas nelas desde a primeira vez que você declarou.

Assim, você pode verificar a situação da sua última declaração e também de outras declarações.

Lembrando que, todos os anos, você precisa checar quais são os critérios apontados pela Receita Federal que obrigam a pessoa a declarar. Sempre que estiver obrigado, não deixe de declarar, para deixar a sua vida fiscal sempre em dia. Esses critérios podem mudar de um ano para o outro e o prazo para declarar costuma durar de março a maio.

Quem não declara e realiza a tarefa com atraso paga multa e juros sobre o imposto devido.

É simples fazer a consulta da declaração do IR, não é mesmo? Que tal compartilhar este conteúdo em suas redes sociais para que mais contribuintes saibam como é fácil conferir a situação das suas declarações enviadas para o Leão?

O que você achou do post?

0 Respostas

Deixe seu comentário

Declare o Imposto de Renda. Online, grátis e seguro.

DECLARAR