Canal da Leoa

Tudo sobre Imposto de Renda

Conteúdo grátis com qualidade sobre IR

Nova tabela de alíquota do INSS [Atualizada 2022]

Saiba o que mudou na tabela de alíquota do INSS para o ano de 2022 e como calcular o desconto para o seu Imposto de Renda.

Tabela aliquota inss

A tabela de alíquotas do INSS para 2022 teve reajuste com valores que vão desde o teto da primeira faixa salarial de R$ 1.212 (quem recebe até esse valor pode ter que pagar até 7,5% do montante para a Receita Federal) até 14% de desconto na folha de pagamento para quem recebe até R$ 7.087,22.

De tempos em tempos, o Diário Oficial da União (DOU) divulga novas tabelas para o cálculo das alíquotas do INSS para recolhimento do Imposto de Renda para segurado empregado, empregado doméstico e trabalhador avulso.

Neste ano, foi publicado no Diário Oficial da União, em 17/01/2022, a portaria MTP/ME Nº 12 que reajusta os benefícios pagos pelo INSS bem como a tabela dos salários de contribuição para o presente ano. Confira!

Tabela alíquota

As alíquotas do INSS agora são progressivas!

A novidade da vez é que agora as alíquotas são progressivas, ou seja, se o seu salário ultrapassa o teto de alguma das faixas, você vai pagar a alíquota com base no valor dessa faixa acrescida do proporcional à próxima faixa. Pensamos em um exemplo para facilitar essa conta:

Imagine que o trabalhador receba R$ 1.500 por mês. Nesse caso, o funcionário pagaria 7,5% da alíquota referente à R$ 1.212 do seu salário, enquanto os R$ 288 que complementam o valor total entram na conta da alíquota da próxima faixa salarial. A conta então ficaria da seguinte maneira:

Teto da primeira faixa salarial x alíquota da primeira faixa salarial
R$ 1.212 x 7,5% = 90,90
+
Valor excedente do teto que se encaixa na segunda faixa salarial x alíquota da segunda faixa salarial
R$ 288 x 9% = 25,92
Desconto do INSS =
90,90 + 25,92 = R$ 116,82

Dessa forma, você não precisa mais pagar a alíquota de 9% inteira só porque se encaixa no meio termo da segunda faixa salarial da tabela. Agora, quem ganha mais, paga mais e quem recebe menos, também paga menos.

O que é a alíquota do INSS?

Todo colaborador, empregado doméstico ou, ainda, trabalhador avulso deve contribuir com o Instituto Nacional do Seguro Social - INSS. A contribuição ocorre, em geral, para que o cidadão brasileiro tenha acesso à aposentadoria e para caso necessite, por exemplo, se ausentar do trabalho por uma questão de saúde.

Logo, a alíquota do INSS nada mais é do que essa porcentagem estipulada para recolhimento e pagamento do seguro social - que beneficiará, consequentemente, o contribuinte em um futuro próximo.

Portanto, se você possui um vínculo empregatício e, também, carteira assinada, o valor recolhido - referente à nova alíquota do INSS - será descontado diretamente em sua folha de pagamento. Por essa razão, o cálculo realizado leva em consideração a alíquota aplicada sobre o salário bruto do trabalhador.

Como funciona o desconto do INSS?

O INSS deve ser descontado do salário bruto do trabalhador. Para esse cálculo, você deve diminuir o valor da alíquota estabelecida pela tabela vigente do seu salário. No caso do exemplo que utilizamos acima, um trabalhador que recebe R$ 1.500 ao mês deverá ter descontado do seu pagamento mensal a alíquota de 7,96% agora que a alíquota é progressiva.

Além do cálculo que você mesmo pode realizar - para obter o valor recolhido - saiba que o desconto referente ao INSS é mencionado no holerite de cada colaborador, assim como o valor retido ao Imposto de Renda, referente ao Imposto de Renda Retido na Fonte (IRRF).

De maneira geral, é importante estar ciente de todas as mudanças realizadas pelo governo e que, de alguma forma, impactam em nosso bolso, pois assim fica mais simples entender os valores descontados da sua folha de pagamento.

Por último, agora que você está a par da nova tabela de alíquota do INSS e compreendeu brevemente o impacto que a atualização poderá trazer ao seu salário, você já pode se preparar adequadamente para se adaptar às mudanças vigentes para o ano de 2022.

O que você achou do post?

1 Resposta

Deixe seu comentário

Declare o Imposto de Renda. Online, grátis e seguro.

DECLARAR